I WORKSHOP ESTADO DA ARTE DA PESQUISA SOBRE PIRARUCU NA AMAZÔNIA.

3 set

Acontece esta semana o I Workshop “Estado da Arte da Pesquisa sobre Pirarucu na Amazônia”, nos dias 3 e 4 de setembro, Diretores e Gestores dos projetos do SEBRAE da Região Amazônica, Pesquisadores e gestores do INPA e EMBRAPA, Secretarias de Pesca estarão reunidos com objetivo de ampliar o conhecimento do estado da arte da pesquisa sobre a espécie.

Por: Newman Costa/ Coordenadora Nacional dos Projetos de Aquicultura e Pesca do SEBRAE.

Projeto PAIS é destaque na AGRIFAM/SP.

6 ago

Este slideshow necessita de JavaScript.

O SEBRAE Nacional apoiou e patrocinou a AGRIFAM/SP – Feira de Agricultura Familiar de São Paulo, e neste evento apresentou no espaço: Sítio Modelo, o Projeto PAIS – Produção Agroecológica Integrada e Sustentável.

O evento aconteceu de sexta a domingo, 3 a 5 de agosto de 2012, em Lençóis Paulista/SP, e teve a colaboração e participação do SEBRAE/SP nesta ação de fortalecimento e melhoria da competitividade dos pequenos produtores.

Na primeiro dia de evento, o Diretor Técnico do SEBRAE/SP, Dr. Ricardo Tortorella, juntamente com toda equipe do Agronegócio do SEBRAE/SP, estiveram presentes ao evento, e visitaram o Sítio Modelo, e a unidade demonstrativa do PAIS. Receberam do consultor e idealizador do projeto PAIS, Sr. Aly N´Diaye, em conjunto com o coordenador nacional do projeto, Ludovico W Da Riva (SEBRAE/NA), as informações sobre o desenvolvimento das unidades em todo o Brasil, e as perspectivas futuras de ampliação das ações neste segmento. Foram realizadas articulações para o início deste trabalho em breve no Estado de São Paulo, na região do Vale do Ribeira, como modelo para replicação futura nos demais municípios interessados nesta ação.

 Além do corpo técnico do SEBRAE, várias comitivas de pequenos produtores rurais e estudantes passaram pelo estande e pela unidade demonstrativa do PAIS, o que proporcionará uma difusão desta tecnologia no Estado de São Paulo, fomentando novas parcerias e possibilitando levar aos Agricultores Familiares do Estado esta tecnologia social, simples e eficaz, no combate a pobreza, geração de renda e inclusão produtiva da família beneficiada.

A gestora do projeto PAIS no SEBRAE/SP, Sra. Fabiana Cintra, se mostrou muito feliz com as possibilidades e ações futuras em benefício desta classe produtora no Estado de São Paulo. Prevendo para Outubro próximo algumas ações no sentido de concretizar os próximos passos na disseminação do PAIS.

Além do atendimento “in loco” aos produtores e parceiros no PAIS demonstrativo, o Sr. Aly N´Diaye realizou 2 palestras sobre a tecnologia PAIS e a Agroecologia no Brasil, no estande do SEBRAE e também no auditório do evento.

Desta forma, o Projeto PAIS se consolida como opção viável e sustentável para a Agricultura Familiar, recebendo cada vez mais a atenção dos produtores e das autoridades do setor agrícola no Brasil.

 Fotos: Ludovico W. Da Riva

Reunião Nacional de Gestores Caprinos e Ovinos

2 ago

A Reunião Nacional de Gestores Caprinos e Ovinos, realizada em Rio Branco, no Acre, foi parte da visita técnica aos projetos de ovinocultura do Acre. A visita técnica acompanhou a execução da ExpoAcre, evento realizado e patrocinado pelo SEBRAE em parceria com o Governo do Estado do Acre, que é um dos grandes eventos no estado e que reúne os diversos setores produtivos, desde o agronegócio, passando por comércio, serviços e indústria movimentando milhões, todo ano.

A comitiva de gestores realizou visita aos diversos elos da cadeia produtiva da carne ovina: criadores, frigorífico e comércio. Foi possível conhecer as dificuldades enfrentadas pelos produtores e frigorífico. Os produtores com as dificuldades técnicas na produção e os frigoríficos com sua dificuldade em ter uma demanda constante e estável. O relato da proprietária do Frigorífico AnnaSara, das dificuldades de obtenção de oferta estável de ovinos para o abatedouro e preconceito com relação à carne ovina mostram que o caminho a percorrer é difícil, mas como ressaltado por ela, já vem trazendo resultados importantes para aqueles que topam o desafio de estruturar uma cadeia produtiva.

Uma experiência interessante que está sendo implementada no estado é a Política de Incentivo à Ovinocultura. O método utilizado é o da distribuição de matrizes para os produtores rurais, onde esses produtores recebem do estado doze fêmeas e um macho reprodutor, para complementarem seu rebanho, e ficam com essas matrizes durante dois anos, devolvendo doze fêmeas mais novas ao estado passado esse período, que serão distribuídas a novos produtores. O projeto já distribuiu pouco mais de 4.000 animais aos produtores, e segundo Domingos Amaral Júnior, o Sebrae já capacita os produtores e auxilia no acesso ao mercado e promoção dos produtos.

É importante ressaltar a participação direta do governo do estado em parceria com o SEBRAE, como forma de impulsionar as ações, onde SEBRAE e Estado trabalham de forma alinhada para o bem tanto do agronegócio, quanto para a população em geral. É uma forma interessante de atuação para o SEBRAE, que tem demonstrado bons resultados e que pode ser repetida em outros estados.

Mais informações em:
http://www.agencia.ac.gov.br/index.php/noticias/producao/20445-mais-trinta-familias-sao-beneficiadas-com-lote-de-ovelhas-em-assis-brasil.html

Proejto Origem Minas

2 ago

O SEBRAE/MG em parceria com a FAEMG e com o apoio do Governo do Estado de Minas Gerais, lançou, ontem, no Museu Histórico Abílio Barreto, o Projeto Origem Minas.

 O objetivo é divulgar e promover o agronegócio mineiro a partir dos negócios gerados pelos grandes eventos esportivos, visando valorizar o produto mineiro, desenvolver estratégias de capacitação, promoção e comunicação para os produtos-chave do agronegócio mineiro, que possam representar o setor nos ambientes internacional e nacional e criar oportunidades de negócios e de fortalecimento das relações com compradores nacionais e estrangeiros para toda a cadeia produtiva.

 São três eixos estratégicos: capacitação, promoção e comunicação.

Na adesão, os participantes terão que atender a alguns critérios técnicos específicos, assegurando a qualidade e segurança dos produtos observando: valorização do território, segurança do produto, com ausência de resíduos e contaminantes, apresentação, rotulagem e rastreabilidade.

Entre os presentes estavam o Dr.Roberto Simões juntamente com autoridades do Estado de Minas Gerais, representantes dos diversos setores do agronegócio mineiro, a equipe do SEBRAE/MG e a Coordenadora Nacional da Carteira de Projetos de Apicultura do SEBRAE, Fátima da Costa Lamar. 

Para conhecer mais detalhes acesse o site www.origemminas.org.br

 Parabéns Priscilla Lins e equipe.

Por: Fatima da Costa Lamar/ Coordenadora Nacional da Carteira de Projetos de Apicultura do SEBRAE.

Projeto PAIS e HORTICULTURA no centro do debate

31 jul

Este slideshow necessita de JavaScript.

Na segunda-feira, 16/7, no Centro de Eventos de Salvador/BA, dentro do 52º Congresso Brasileiro de Horticultura, realizado pela ABH – Associação Brasileira de Horticultura, o SEBRAE realizou o encontro nacional das carteiras de Agroecologia e Horticultura. A reunião contou com 15 Ufs(14 Estados + DF), 35 participantes, 3 convidados, e considerado um verdadeiro sucesso pelo coordenador nacional das carteiras, Ludovico W. Da Riva. Os Estados apresentaram os projetos no segmento, e discutiram possibilidades futuras de atuação, junto aos pequenos agricultores em suas regiões. O SEBRAE Nacional apresentou a necessidade de busca de novos parceiros para a disseminação da Tecnologia PAIS, visto o alto recurso alocado na carteira de Agroecologia, já definido para o apoio a este projeto, que é dependente de parceiros que adquirem os KITs PAIS (material imobilizado). Os Estados discutiram possibilidades de alterações no TR PAIS 2012 – Termo de Referência PAIS e no Manual do TR PAIS aprovado recentemente pelo SEBRAE Nacional, devido a ajustes necessários diante das dificuldades e particularidades dos projetos e da orientação recebida, o que foi validado pela maioria dos Estados/UFs presentes, e será encaminhado para a apreciação e deliberação da diretoria do SEBRAE Nacional. Os convidados, apresentaram vossas contribuições aos gestores do setor. O Sr. Alberto Wanderley, pelo MDA – Ministério do Desenvolvimento Agrário, apresentou a Rede Brasil Rural, o Plano Safra Agroecologia, as possibilidades do edital de ATER/MDA específico às propriedades agroecológicas, além das inúmeras ações em conjunto entre as instituições, visto a assinatura em breve do Termo de Cooperação Técnica entre o MDA e o SEBRAE. O Sr. Felipe Murici realizou a apresentação dos trabalhos de Análise de Mercado, de dois eventos de 2012, a BioBrazilFair (orgânicos) e a Hortitec (horticultura), ambos realizados no Estado de São Paulo recentemente. O Sr. Aly N´Diaye, idealizador da tecnologia PAIS, proporcionou a troca de experiência entre os gestores PAIS do SEBRAE, as inovações propostas no TR PAIS 2012, além de colaborar com toda a discussão técnica sobre a necessidade de novos parceiros para ampliação da disseminação desta importante tecnologia social. Sua apresentação e colaboração no evento foi considerada por todos os presentes, como fundamental para o crescimento desta ação e no embasamento técnico da atuação do SEBRAE neste segmento. Além destes temas, foram elencadas ações necessárias de apoio aos produtores orgânicos; e de ações estruturantes na horticultura, como as Boas Práticas da Olericultura, realizada pelo SEBRAE/PR, e fomentado ao Nacional ações estruturantes para o fortalecimento deste segmento do agronegócio. Segundo o coordenador nacional, Ludovico W. Da Riva, todas as discussões e proposições serão encaminhadas e possivelmente teremos grandes avanços nestas questões e sendo a reunião da carteira uma excelente oportunidade para esta troca de experiências e que fortalecem as ações dos gestores nas suas atividades locais. O Congresso continua até sexta-feira, 20/7, importante oportunidade aos gestores de verificar as tendências, trabalhos teóricos e práticos da horticultura no Brasil.

Por: Ludovico Riva/Coordenador Nacional da Carteira de Projetos de Agricultura Orgânica.

Fotos: Ludovico W. Da Riva – UAGRO/Na

Oficina de Tambaqui

31 jul

Começa hoje, dia 31/07/12, a oficina de normalização da espécie Tambaqui, com piscicultores e parceiros, na cidade de Ji-Paraná/RO escritório regional do Sebrae. Parceria da Unidade de Agronegocios  com a Unidade de Acesso a Inovação e Tecnologia do Sebrae Nacional.

Por: Newman Costa/ Coordenadora Nacional da Carteira de Projetos de Aquicultura e Pesca do SEBRAE.

foto: Newman Costa

Pescadores no município de Icém/SP

10 jul

Estiveram em reunião  representantes de cooperativas de pescadores, de  três municípios, que buscam o apoio do SEBRAE para  uma atividade sustentável, respeitando o meio ambiente e suas leis, principalmente nos períodos de defeso.

Por: Newman Costa/ Coordenadora Nacional da Carteira de Projetos de Aquicultura e Pesca do SEBRAE.

Foto: Newman Costa/ SEBRAE Nacional